A A A A A
Bible Book List

1 Reis 15O Livro (OL)

Abião é rei de Judá

15 1/2 Abião começou o seu reinado de apenas três anos como rei de Judá, em Jerusalém, dezoito anos após o início do reinado de Jeroboão rei de Israel. (A mãe de Abião chamava-se Maacá; era filha de Absalão.) Pecou ainda mais do que o seu pai; o seu coração não foi recto para com Deus, como tinha sido o do rei David. Apesar do pecado de Abião, o Senhor lembrou-se do amor que tinha por David e não fez terminar a sua linhagem real, visto que David obedecera a Deus todo o tempo da sua vida, excepto naquele assunto de Urias, o heteu. Durante o reinado de Abião continuou a haver sempre guerra entre os dois reinos de Judá e de Israel. O resto da história deste reinado está relatado nas Crónicas dos Reis de Judá. Quando morreu, foi enterrado em Jerusalém e o seu filho Asa reinou em seu lugar.

Asa é rei de Judá

9/15 Asa tornou-se rei de Judá em Jerusalém vinte anos depois de Jeroboão ter começado a reinar sobre Israel. Reinou quarenta e um anos. (A sua avó era Maacá, filha de Absalão.) Asa agradou ao Senhor à semelhança do seu antepassado David. Mandou executar os prostitutos, e retirar todos os ídolos que o seu pai mandara fazer. Destituíu a sua avó Maacá como rainha-mãe por ela ter mandado fazer um ídolo, que o monarca deitou abaixo e queimou no ribeiro de Cedrom. Contudo mantiveram-se os nichos sobre as colinas, apesar do coração de Asa se manter fiel ao Senhor toda a sua vida. Fez que estivessem expostos permanentemente no templo os escudos que o seu pai tinha mandado fazer e que tinha consagrado, ao mesmo tempo que os objectos de prata e de ouro que ele próprio dedicou.

16/18 Houve guerra permanente entre o rei Asa de Judá e o rei Basha de Israel. O rei Basha construiu a cidade fortaleza de Ramá numa tentativa de cortar todas as relações com Jerusalém. Então Asa pegou em toda a prata e todo o ouro que ficara no templo e no palácio real e entregou-o aos líderes do seu reino para que levassem a Damasco como presente ao rei da Síria, Ben-Hadade, com esta mensagem: 19 “Tornemo-nos aliados tal como os nossos pais foram. Esta mensagem acompanha um presente de prata e de ouro. Anula, peço-te, a aliança que tens com Basha, o rei de Israel, para que me deixe em paz.”

20/22 Ben-Hadade concordou e mandou os seus exércitos contra algumas das povoações de Israel; destruiu Ijom, Dan, Abel-Bete-Maacá, toda a Quinerete e todas as povoações de Naftali. Quando Basha recebeu a notícia do ataque, deixou de construir Ramá e voltou para Tirza. O rei Asa fez circular em toda Judá uma proclamação pedindo a cada homem fisicamente apto que viesse ajudar a destruir Ramá e deitassem abaixo todas as construções de pedra e de madeira. O rei Asa empregou esses materiais para construir Geba, em Benjamim, e a cidade de Mizpá.

23/24 O resto da biografia de Asa — as suas conquistas e feitos, mais os nomes das povoações que mandou construir — encontra-se nas Crónicas dos Reis de Judá. Na sua velhice o rei começou a padecer dos pés. Quando morreu foi sepultado no cemitério real em Jerusalém. Seu filho Jeosafá tornou-se o novo rei de Judá.

Nadabe é rei de Israel

25/26 Entretanto em Israel, Nadabe, filho de Jeroboão, tornara-se rei. Reinou dois anos, começando no segundo ano do reinado de Asa, rei de Judá. Não foi um bom rei. À semelhança do seu pai, adorou muito ídolos e levou Israel a pecar.

27 Foi então que Basha (filho de Aías da tribo de Issacar) conspirou contra Nadabe e o assassinou quando, com o exército de Israel, estava a sitiar a cidade filistéia de Gibetom.

Basha é rei de Israel

28/31 Assim Basha substituiu Nadabe como rei de Israel, em Tirza, durante o terceiro ano do reinado de Asa, rei de Judá. Imediatamente matou todos os descendentes do rei Jeroboão, de tal forma que mais ninguém da família real ficou em vida, tal como o Senhor dissera que havia de acontecer quando falou por intermédio de Aías, o profeta de Silo. Isto foi assim porque Jeroboão acendeu a ira do Senhor Deus de Israel, pecando e levando o resto de Israel a pecar. Mais informações sobre o reinado de Basha estão registados nas Crónicas dos Reis de Israel.

32/34 Houve continuamente guerra entre o rei Asa de Judá e o rei Basha de Israel. Basha reinou vinte e quatro anos, mas em todo esse tempo continuamente desobedeceu ao Senhor. Seguiu os maus caminhos de Jeroboão, levando Israel ao pecado da adoração de ídolos.

O Livro (OL)

O Livro Copyright © 2000 by Biblica, Inc.® Used by permission. All rights reserved worldwide.

  Back

1 of 1

You'll get this book and many others when you join Bible Gateway Plus. Learn more

Viewing of
Cross references
Footnotes