A A A A A
Bible Book List

Salmos 140-145 O Livro (OL)

Salmo de David. Para o diretor do coro.

140 Senhor, livra-me dos homens perversos;
guarda-me de gente violenta!
Só pensam o mal no seu íntimo;
estão constantemente a planear agressões.
O que dizem fere como a picada da serpente;
só há veneno de víbora nos seus lábios. (Pausa)

Mantém-me fora do alcance das suas mãos;
protege-me da violência dos maus.
Esses indivíduos, cheios de soberba,
armaram-me ciladas para me fazerem cair;
puseram-me armadilhas no caminho,
laços para me tolherem os movimentos. (Pausa)

Eu disse ao Senhor: “Tu és o meu Deus!”
Ouve as minhas súplicas, ó Senhor!
Ó Senhor Deus, tu és a força que me salva;
tu proteges a minha cabeça durante a batalha.
Não deixes que esses que te repudiam
vejam os seus desejos satisfeitos,
vejam cumpridos os seus maus propósitos
e o seu orgulho se exalte ainda mais. (Pausa)

Esses que andam à minha volta
sejam destruídos pelo mesmo mal que planeavam!
10 Que brasas vivas caiam sobre as suas cabeças;
que sejam lançados em abismos profundos
donde não possam mais sair!
11 Não deixes os mentirosos prosperar na vida;
possa a desgraça perseguir os homens violentos.

12 Eu sei que o Senhor apoia a causa dos oprimidos
e o direito dos pobres.
13 Por isso, os retos louvarão o teu nome
e viverão na tua presença.

Salmo de David.

141 Senhor, rogo-te,
ouve a minha oração, escuta-me!
Recebe a minha oração,
como o fumo do incenso que sobe na tua presença,
e o levantar das minhas mãos
como um dos sacrifícios da tarde.

Põe, ó Senhor, uma guarda à minha boca,
uma sentinela aos meus lábios.
Não deixes que o meu coração se incline para o mal,
que se ocupe de coisas más,
que se junte com os que praticam a maldade,
participando nos seus gozos e excessos.

Se tiver de ser castigado,
que seja por pessoas justas.
Se esses me repreenderem,
até isso considerarei como um benefício
que não deixarei de aceitar.
Quanto à gente perversa,
continuarei a orar contra as maldades deles!

Os juízes deles ouvirão as minhas palavras
e saberão que são bem intencionadas.
Assim como se sulca e lavra a terra,
assim também os nossos ossos são espalhados
ao abrir-se o mundo dos mortos.

Mas eu espero a tua ajuda, Senhor, meu Deus;
confio em ti, não me desampares.
Guarda-me das ciladas que me armam,
das ratoeiras que põem no meu caminho,
essa gente que pratica a iniquidade.
10 Sejam eles a cair nas armadilhas que preparam
e que eu fique inteiramente livre deles!

Salmo didático de David. Oração que fez quando estava na caverna.

142 Suplico ao Senhor,
em voz alta clamo por ele!
Derramo o meu choro perante a sua face;
exponho-lhe a minha angústia.

No meio de todo esse meu desespero,
só tu sabes dar-me o escape!
Os meus inimigos aproveitam-se da situação,
para me armarem ciladas.
Se procuro alguém que me ajude,
acho-me completamente sozinho!
Ninguém me pode servir de refúgio;
ninguém quer saber de mim!

Então clamo por ti, Senhor:
“Tu és o meu refúgio!”, grito eu.
“Tu és tudo o que tenho nesta vida!”

Ouve a minha oração,
pois estou tão abatido!
Livra-me dos que me perseguem,
porque são muito mais fortes do que eu!
Arranca-me desta prisão,
porque só assim poderei louvar o teu nome!
Os justos se juntarão a mim,
ao constatarem todo o bem que me fizeste!

Salmo de David.

143 Senhor, ouve a minha oração!
Dá atenção às minhas súplicas,
pois tu és justo e fiel em tudo quanto prometes.
Não me peças contas;
perante ti ninguém pode considerar-se justo.
Os meus inimigos perseguiram-me,
abateram-me até ao chão.
Fazem-me viver nas trevas profundas,
como se estivesse com os que já deixaram a vida.
Por isso, estou tão angustiado;
estou como que afogado em desespero!
Lembro-me de tudo o que fizeste no passado;
reflito nas tuas obras, em todo o teu poder.
Por isso, estendo-te as minhas mãos.
A minha alma tem sede de ti,
como uma terra sedenta! (Pausa)

Ouve-me depressa, Senhor!
O meu espírito desfalece;
não desvies de mim o teu olhar,
para que não fique como os que descem à cova.
Permite-me que, logo de manhãzinha,
constate a tua bondade, pois confio em ti.
Ensina-me o caminho que devo seguir,
pois a ti dirijo a minha oração.
Livra-me, Senhor, dos meus inimigos,
pois és o meu único refúgio!
10 Ensina-me a fazer a tua vontade,
pois és o meu Deus.
Que o teu bom Espírito me guie,
por um caminho plano!

11 Dá-me uma vida nova e honrarei o teu nome;
pela tua justiça, livra-me da minha angústia.
12 No teu infalível amor para comigo,
extermina os meus inimigos.
Sejam destruídos os meus adversários,
pois a minha vida está ao teu serviço!

Salmo de David.

144 Louvem o Senhor, a minha rocha,
que prepara as minhas mãos para a batalha
e os meus dedos para a guerra!
A sua bondade é o meu lugar forte;
ele é a minha perfeita segurança e o meu libertador.
É para mim como um escudo,
atrás do qual me adianto sem medo.
Se o meu povo me está sujeito, só a ele o devo!

Senhor, que é o homem,
para que te interesses por ele?
Que é o ser humano, para que o consideres?
Vale tanto como um sopro!
Os dias da sua vida vão-se como a sombra que passa.

Inclina-te, Senhor, desde os céus, e vem!
As montanhas deitarão fumo, quando lhes tocares.
Os teus inimigos serão derrotados,
quando lhes lançares os teus raios
e os destruíres com as tuas armas certeiras.
Estende, lá do alto, as tuas mãos!
Salva-me das águas profundas e tira-me delas,
assim como das mãos dessa gente estrangeira!
A sua boca está cheia de nulidades;
a sua habilidade está só na falsidade.

Cantar-te-ei um novo cântico, ó Deus,
acompanhado de harpa de dez cordas.
10 Porque tu dás vitória aos reis.
Livrarás o teu servo David da espada mortal.

11 Livra-me das mãos dessa gente que te é estranha;
gente mentirosa, cuja força só consiste na maldade.

12 Para que os nossos filhos sejam bem desenvolvidos,
na sua mocidade, como plantas viçosas,
e as nossas filhas, belas e graciosas,
como as colunas esculpidas dum palácio.
13 Para que nunca nos faltem recursos na vida
e tenhamos gado que forneça carne em abundância.
14 Que os nossos animais sejam fortes para o trabalho
e haja segurança no nosso meio;
sem assaltos, sem fugas, sem gritos nas ruas!

15 Feliz o povo que pode viver assim!
Feliz é o povo cujo Deus é o Senhor!

Salmo de David.

145 Eu te louvarei, meu Deus e meu Rei!
Quero cantar a força do teu nome para sempre!
Sim, dia após dia, quero louvar-te
e por toda a eternidade
falar de toda a grandeza do teu nome.

Grande é o Senhor
e inteiramente digno de louvor;
a sua grandeza ultrapassa o nosso entendimento.
Cada geração conte aos seus descendentes
as maravilhas que o Senhor faz.
Quero falar da magnífica glória da tua majestade
e meditar nas tuas maravilhas.
Toda a fama dos teus espantosos milagres
correrá de boca em boca,
assim como toda a tua grandeza.
Todos falarão da tua bondade
e cantarão a tua justiça.

Bondoso e misericordioso é o Senhor;
ele é paciente e cheio de amor.

É bom para todos;
tudo o que faz é consequência do seu amor.
10 Tudo o que criaste, Senhor, é motivo
para que aqueles que te pertencem te louvem.
11 Para que falem da glória do teu reino,
mencionando os feitos do teu poder.
12 Darão a conhecer à humanidade os teus milagres,
a tua majestade e a glória do teu reino.
13 O teu reino não tem fim;
o teu domínio estende-se por todas as gerações.

14 O Senhor ampara todos os que caem
e levanta os que estão abatidos.
15 Os olhos de todos estão postos em ti, Senhor;
tu lhes dás alimento conforme o que precisam.
16 Abres a tua generosa mão
e satisfazes os desejos de todo o ser vivo.

17 Justo é o Senhor em tudo o que faz;
as suas obras têm a marca da sua bondade.
18 O Senhor está perto de todos os que o chamam,
de todos os que o invocam em verdade.
19 Realizará os desejos daqueles que o temem;
ouvirá os seus apelos e os salvará.
20 O Senhor guarda todos os que o amam,
mas todos os ímpios serão destruídos.

21 Louvarei o Senhor, publicamente,
e todos os habitantes da Terra louvarão
a força do seu nome, para sempre!

O Livro (OL)

O Livro Copyright © 2000 by Biblica, Inc.® Used by permission. All rights reserved worldwide.

  Back

1 of 1

You'll get this book and many others when you join Bible Gateway Plus. Learn more

Viewing of
Cross references
Footnotes