A A A A A
Bible Book List

Deuteronômio 32O Livro (OL)

32 “Ouçam, céus e Terra! Ouçam o que vou dizer!
As minhas palavras cairão sobre vocês,
    como a chuva delicada e como o orvalho,
    como a chuva sobre a erva tenra, sobre a relva.

Hei­de proclamar a grandeza do Senhor.
Como ele é glorioso!
Ele é a rocha. A sua obra é perfeita.
    Tudo o que ele faz é justo e recto.
Deus é a verdade;
    nele não há injustiça.

Mas Israel corrompeu­se, sujou­se no pecado.
Já não lhe pertence mais;
    são um povo duro e torcido.
Então é assim que tratas com Jeová?
Ó povo louco!
Não é Deus o vosso pai?
Não foi ele quem vos criou?
Não foi ele quem vos estabeleceu e vos tornou fortes?
Lembrem­se dos dias de antigamente!
Perguntem até aos vossos pais e aos mais idosos,
    esses vos dirão tudo!

Quando Deus repartiu o mundo entre as nações,
    deu a cada uma delas um anjo vigilante.
Mas a Israel não deu nenhum;
    porque Israel é a própria possessão de Deus.
10 Deus os protegeu no deserto, cheio de uivos,
    como se fossem a menina dos seus olhos.
11 Abre as suas asas sobre eles,
    tal como a águia protegendo os filhos.
Transporta­os sobre as asas.
Assim faz o Senhor ao seu povo!

12 Quando o Senhor sozinho os conduzia,
    e eles viviam sem deuses estrangeiros,
13 Deus deu­lhes férteis planaltos, campos de rica terra,
    mel saindo da rocha, e azeite de chão rochoso!
14 Deu­lhes leite e carne;
escolheu carneiros e bodes de Basã,
    e o melhor do trigo;
beberam vinho de cor de sangue.

15 Mas Israel altivo, ao engordar, rebelou­se,
    de tão bem tratado que estava.
E na sua abundância, esqueceram­se de Deus.
Repudiaram a rocha da sua salvação.
16 Israel começou a seguir deuses estrangeiros,
    e Jeová ficou muito irado;
ele teve ciúmes pelo seu povo.
17 Este sacrificou a deuses estranhos,
    novos deuses que nunca jamais tinha adorado.
18 Desdenharam da rocha que os tinha criado,
    esqueceram­se de que foi Deus quem os criou.
19 Deus viu o que eles estavam a fazer,
    e detestou­os.
Seus filhos e filhas estavam­no a insultar.
20 Por isso disse: ‘Vou abandoná­los!
Vejam então o que lhes está a acontecer,
    porque são uma geração dura e desleal.
21 Fez com que eu tivesse severos ciúmes por causa daqueles seus ídolos,
    os quais não são deuses nenhuns.
Por isso agora, em compensação, suscitarei os ciúmes deles,
    dando os meus afectos às nações gentias do mundo,
    que eles consideram loucas.
22 Porque a minha ira acendeu um fogo
    que arde até às profundidades do inferno,
E consumirá a terra e as suas searas,
    pondo os fundamentos das suas montanhas a arder.
23 Amontoarei males sobre eles,
atirarei as minhas setas sobre eles.
24 Devastá­los­ei com a fome, com febre, com doenças fatais.
Serão devorados por feras que os dilacerarão,
    assim como por serpentes mortais, rastejando entre o pó.
25 Do exterior virá a espada do inimigo,
    da mesma forma que por dentro tiveram pragas.
Serão aterrorizados, tanto os mancebos como as raparigas;
    tanto o bebé da mama como o indivíduo mais idoso.
26 Decidi espalhá­los por terras longínquas,
    para que até a lembrança deles desapareça.’
27 Mas então eu pensei:
    ‘Os meus inimigos fanfarronarão dizendo —
    Israel está destruído mas foi pela nossa própria força.
    Não foi o Senhor quem fez isso!’

28 Israel é uma nação sem inteligência, louca, sem entendimento.
29 Oh! Se eles fossem sensatos!
    Como haviam de entender!
    Como haviam de dar­se conta de qual o seu destino!
30 Como é que um só inimigo pode perseguir mil combatentes,
    E dois pôr em fora de combate dez mil,
se não fosse a sua Rocha os ter abandonado,
se não fosse o Senhor os ter destruído?

31 Mas a rocha de outras nações não é semelhante à nossa.
Orações àqueles deuses não têm valor nenhum;
32 Aquelas pessoas agem como os de Sodoma e de Gomorra:
    seus actos são piores do que veneno;
33 Bebem vinho feito de veneno de serpente.

34 Mas Israel é o meu povo especial,
    guardado como jóias preciosas do meu tesouro.
35 Minha é a vingança.
Decreto que todos os meus inimigos sejam castigados: a sentença deles está já assinada.

36 O Senhor verá o seu povo justificado.
Terá compaixão deles quando escorregarem,
    quando vir o poder deles decaindo,
    tanto o dos escravos como dos livres,
37 Então declarará:
    ‘Onde estão aqueles deuses deles —
    as tais rochas que eles declaravam ser o seu refúgio?
38 Onde estão pois esses deuses agora,
    aos quais consagraram gorduras e vinhos?
Que se levantem então esses deuses,
    e que os ajudem!

39 Não vêem que só eu sou Deus?
Eu tiro e dou a vida.
Faço a ferida e saro­a —
    ninguém escapa ao meu poder.
40 Levanto a mão ao céu
    e juro pela minha própria existência,
41 em como afiarei a minha espada reluzente,
    e deixarei cair os meus castigos sobre os meus inimigos!
42 As minhas flechas banhar­se­ão em sangue!
A minha espada devora a carne e o sangue
    de todos os que foram mortos e presos.
As cabeças dos inimigos estão cobertas de sangue.’

43 Louvem o seu povo, ó nações,
pois que Deus o vingará
    do que lhe fizeram os seus inimigos,
    purificando a sua terra,
    e o seu povo.”

44/47 Depois de Moisés e Josué terem apresentado as palavras deste cântico ao povo, Moisés fez os seguintes comentários: “Meditem em todas as leis que vos dei agora, ensinem­nas aos vossos filhos. Não se trata de meras palavras — são a vossa vida! Obedecendo­lhes terão vidas prolongadas e prósperas na terra que vão agora possuir do lado de lá do Jordão.”

Moisés sobe ao monte Nebo

48 Nesse mesmo dia o Senhor disse a Moisés: 49/51 “Sobe ao monte Nebo, na cordilheira de Abarim, na terra de Moabe, defronte de Jericó. Lá do cimo, contempla a terra de Canaã que eu dei ao povo de Israel. Depois de olhares para ela, deverás morrer e ir ter com os teus antepassados, tal como aconteceu com Arão, o teu irmão, que morreu no monte Hor e também se foi juntar aos seus. Porque vocês desonraram­me na frente do povo de Israel, nas fontes de Meribá, em Cades, no deserto de Zim. 52 Verás então, na sua extensão, a terra que dei ao povo de Israel; contudo não entrarás nela.”

O Livro (OL)

O Livro Copyright © 2000 by Biblica, Inc.® Used by permission. All rights reserved worldwide.

  Back

1 of 1

You'll get this book and many others when you join Bible Gateway Plus. Learn more

Viewing of
Cross references
Footnotes