A A A A A
Bible Book List

Salmos 31O Livro (OL)

Salmo de David.

Para o director do coro.

31 Só em ti, Senhor, confio.
Não me deixes ficar mal perante os meus inimigos.
Livra-me porque sempre fazes o que é justo.
Responde-me depressa.
Inclina-te para ouvires a minha súplica.
Que sejas para mim como uma rocha bem segura,
    como uma casa onde esteja em perfeita segurança.
Sim, com efeito tu és a minha rocha,
    o lugar forte onde me abrigo.
Por isso te peço,
    por causa do prestígio do teu nome,
que me guias e me encaminhes no meio dos perigos que me rodeiam.
Tira-me da rede que os meus inimigos me armaram para me apanhar.
Só tu és a minha força.
Entrego o meu espírito nas tuas mãos.
Tu me livraste,
    ó Deus, que guardas as promessas que fazes!

Aborreço aqueles que se entregam ao culto de deuses falsos.
Eu, quanto a mim, só adoro o Senhor.
Estou radiante de alegria por teres tanta bondade,
    pois tiveste em consideração a minha aflição,
    e viste bem como a minha alma estava em crise.
Não me entregaste nas mãos do inimigo,
    antes me deste perfeita liberdade de movimentos.

Tem misericórdia de mim, Senhor,
    porque me sinto angustiado.
Os meus olhos estão vermelhos já, com tanto choro;
10 a minha alma tanto como o corpo estão cansados de tanta tristeza.
Vou-me consumindo de abatimento;
esgotam-se os meus anos em aflição.
Os meus pecados também me têm tirado força.
Sinto-me como que comido de vergonha e tristeza.
11 Os meus inimigos fizeram até
    com que os meus próprios vizinhos me desprezassem.
Fogem de mim quando passo na rua.
12 Para eles sou como morto,
    como pedaços de louça partida, que se deitam fora.
13 Ouvi as mentiras que muitos diziam a meu respeito.
Para qualquer lado que olhava, tinha medo,
    porque todos tramavam contra a minha vida.

14 Mas eu confiei em ti, Senhor, e disse:
“Tu és o meu Deus”.
15 Todo o tempo da minha vida está nas tuas mãos.
Livra-me dos que me perseguem.
16 Que o teu favor brilhe novamente sobre o teu servo.
Que a tua misericórdia me salve.
17 Não me deixes abatido, Senhor,
    porque tenho chamado por ti.
Os pecadores, esses sim, que sejam envergonhados,
    e que sejam reduzidos ao silêncio da sepultura.
18 Que os seus lábios mentirosos sejam enfim emudecidos,
    e que parem de dizer toda a espécie de coisas
    em desprezo dos que praticam a justiça,
    e coisas que mostram o seu orgulho.

19 Como é grande a bondade que publicamente demonstraste
    para com aqueles que te respeitam, e que confiam em ti!
20 A esses, tu os esconderás na tua presença,
    ao abrigo das intrigas dos homens;
irás recolhê-los debaixo da tua mão,
    salvos da maldade das línguas.
21 Bendito é o Senhor,
    porque já me mostrou o seu amor,
um amor que nunca falha, maravilhoso,
    que me protege como as muralhas duma fortaleza.
22 Falei precipitadamente quando disse:
“O Senhor desamparou-me”,
porque afinal tu sempre ouviste a minha súplica
    quando chamei por ti.

23 Amem o Senhor, todos quantos lhe pertencem.
O Senhor protege os que lhe são fiéis,
    mas castiga severamente os que o rejeitam com soberba.
24 Vocês que confiam no Senhor,
    tenham, pois, coragem,
e o Senhor dará força ao vosso coração.

O Livro (OL)

O Livro Copyright © 2000 by Biblica, Inc.® Used by permission. All rights reserved worldwide.

  Back

1 of 1

You'll get this book and many others when you join Bible Gateway Plus. Learn more

Viewing of
Cross references
Footnotes